Requisitos de saúde

DATA DA ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO: 03/janeiro/2023

Aqui poderá consultar as diferentes formalidades prévias, em função do seu lugar de origem e da sua escolha de alojamento, para poder viajar às Canárias.

1. REQUISITOS DE ENTRADA EM ESPANHA (e nas Canárias):

Contenido

Pode visitar as Ilhas Canárias sempre que viajar a partir da União Europeia, de um país do espaço Schengen ou de um país terceiro com que a Espanha mantiver um acordo de reciprocidade relativo à aceitação de viajantes.

É imprescindível que consulte as condições do seu operador turístico ou da companhia aérea antes de viajar às Ilhas Canárias.

 

1. 1. SE VIAJAR DE PAÍSES DA UE E DO ESPAÇO SCHENGEN

Contenido

Atualmente não existe nenhum tipo de limitação para viajar às Canárias

Já não é necessário apresentar :

  • Certificado UE-COVID. 
  • Certificado de vacinação
  • Teste Diagnóstico de Infeção Ativa por COVID-19 negativo
  • Certificado de recuperação
  • Formulário de controlo

1.2. SE VIAJAR DE TERCEIROS PAÍSES E VOCÊ NÃO É CIDADÃO DA COMUNIDADE DA UE

Contenido

Atualmente não existe nenhum tipo de limitação para viajar às Canárias 

Já não é necessário apresentar :

  • Certificado UE-COVID. 
  • Certificado de vacinação
  • Teste Diagnóstico de Infeção Ativa por COVID-19 negativo
  • Certificado de recuperação
  • Formulário de controlo

1.3. SE VIAJAR DO TERRITÓRIO ESPANHOL

Contenido

Atualmente não existe nenhum tipo de limitação para viajar às Canárias a partir de qualquer ponto do território espanhol, incluindo da península e de outras ilhas.

Contenido

(Texto na versão em inglês)

1.4 IF YOU ARE TRAVELLING TO SPAIN FROM REPUBLIC OF CHINA

Contenido

All passengers arriving in Spain by air from the People’s Republic of China, must undergo a health control at the first point of entry that will include, at least, a temperature control, a documentary check and a visual check on their condition.

Documentary control

All passengers arriving in Spain by air from the People’s Republic of China, must have an EU Digital COVID Certificate or equivalent (based on Commission Implementing Decisions EU)  which can be:

  • A vaccination against COVID19 certificate
  • A certificate of SARSCoV2 diagnostic test
  • A COVID-19 recovery certificate

Passengers who do not have a valid EU Digital COVID Certificate or equivalent, must have a certificate of SARSCoV2 diagnostic test with negative result. The admitted tests will be:

  1. Molecular nucleic acid amplification tests (NAAT), whose sample has been obtained within the 72 hours prior to departure.
  2. Rapid antigen detection tests, whose sample has been obtained within the 24 hours prior to departure. The admitted tests are those authorized by the European Commission, which you can consult at the following link.

This certificate must be the original, must be written in Spanish or English and may be presented in paper or electronic form. If it is not possible to obtain it in these languages, the certificate must be accompanied by a translation into Spanish, made by an official body.

The document will contain, at least, the following information: passenger’s name, passport or ID number, test date, identification and contact details of the centre that performs the analysis, the used technique and a negative test result.

Diagnostic test for active infection at points of entry
In addition to the previously described requirements, all passengers arriving in Spain from the People's Republic of China may be subjected to a diagnostic test for active infection at the point of entry and, if necessary, a medical assessment on epidemiological and clinical aspects of the passenger.

Exceptions

Children under 12 years of age and passengers who arrive in Spain in transit to other countries, provided they do not leave the airport environment, will be exempt from complying with all the measures described above.

Contenido