ÚLTIMA HORA: Coronavirus (COVID-19) aqui
20-Abril-2022

OLÁ!


Nas Ilhas Canárias trabalhamos intensamente todos os dias para que possa visitar-nos com as máximas condições de segurança, higiene e qualidade. Informamos que atualmente mais de 78.8% da população canária se encontra vacinada contra a COVID-19, um valor superior à média europeia.

Se vier de férias às Canárias nas próximas semanas, aqui encontrará informações do seu interesse.

11. REQUISITOS DE ENTRADA EM ESPANHA (e nas Canárias):

Pode visitar as Ilhas Canárias sempre que viajar a partir da União Europeia, de um país do espaço Schengen ou de um país terceiro com que a Espanha mantiver um acordo de reciprocidade relativo à aceitação de viajantes.

É imprescindível que consulte as condições do seu operador turístico ou da companhia aérea antes de viajar às Ilhas Canárias.

1.1 SE VIAJAR DE PAÍSES DE RISCO* DA UE E DO ESPAÇO SCHENGEN

* Entendendo como tais os incluídos na seguinte lista.

Formulário de controlo. Recomendamos preencher o formulário por via telemática, incluindo toda a documentação necessária, para agilizar o controlo nos aeroportos (fast control). Se viajar de cruzeiro, o formulário a preencher será este.

e um dos seguintes requisitos para os maiores de 12 anos:

a)  Certificado de vacinação contra a COVID-19 com a série completa.

b)  Teste Diagnóstico de Infeção Ativa por COVID-19 negativo. Serão admitidos testes de antigénios realizados com uma antecedência máxima de 24 horas à chegada a Espanha, e testes NAAT (PCR, TMA, LAMP) realizados com uma antecedência máxima de 72 horas à chegada a Espanha.

c)  Certificado de recuperação que confirme que o titular superou a COVID-19, emitido no prazo mínimo de 11 dias a contar do primeiro teste NAAT positivo (PCR, TMA, LAMP). Este certificado tem um prazo de validade de 180 dias.

De modo excecional e aleatório, a determinados passageiros poderá ser exigida a realização de um teste diagnóstico de infeção ativa por COVID-19 no prazo de 48 horas a contar do momento da sua chegada, cujo resultado terá de ser comunicado aos Serviços de Saúde Externa de Espanha pela via que se indicar para essa finalidade.

 

1.2 SE VIAJAR DE TERCEIROS PAÍSES E VOCÊ NÃO É CIDADÃO DA COMUNIDADE DA UE

Os passageiros terão de cumprir os seguintes requisitos:

  1.  Formulário de controlo. Recomendamos preencher o formulário por via telemática, incluindo toda a documentação necessária, para agilizar o controlo nos aeroportos (fast control). Se viajar de cruzeiro, o formulário a preencher será este.
  2. Certificado de vacinação contra a COVID-19 com a série completa. Os menores de 12 anos estão isentos deste requisito. As pessoas residentes no Reino Unido da Grã-Bretanha e da Irlanda do Norte que procedam diretamente do seu território terão de chegar a Espanha providas de um certificado de vacinação ou Certificado de recuperação.
  3. Passageiros com idade superior a 12 anos ou menores de 18 anos devem cumprir um teste PCR negativo realizado no máximo 72 horas antes da chegada, se não forem devidamente vacinados

  4. Adicionalmente, será exigido um Teste Diagnóstico de Infeção Ativa por COVID-19, independentemente do seu estado vacinal ou de ter superado previamente a doença, unicamente aos passageiros procedentes de terceiros países que sejam considerados de alto risco. Serão admitidos testes de antigénios realizados com uma antecedência máxima de 24 horas à chegada a Espanha, e testes NAAT (PCR, TMA, LAMP) realizados com uma antecedência máxima de 72 horas à chegada a Espanha. Pode consultar se o seu país é de risco aqui

Estão excluídos desta regulamentação os países terceiros não considerados de risco, que poderão observar simplesmente as condições de acesso de países de risco da UE e do espaço Schengen (consulte o ponto 1.1). Consulte a respetiva lista aqui

 

1.3 SE VIAJAR DO TERRITÓRIO ESPANHOL

Atualmente não existe nenhum tipo de limitação para viajar às Canárias a partir de qualquer ponto do território espanhol, incluindo da península e de outras ilhas.

 

2Como demonstro que o realizei?

A máscara é obrigatória nas Ilhas Canárias?

A máscara só é obrigatória para maiores de 6 anos que acedam a centros sociais de saúde, farmácias e transportes públicos.

Também é obrigatório um teste para sair das Canárias?

Não, mas é possível que o seu país lhe peça um aquando do seu regresso. Recomendamos sempre consultar os requisitos e recomendações do seu país de origem.

E antes de partir, posso fazer o teste nas ilhas?

Claro que sim, as Canárias contam com estabelecimentos de saúde de primeiro nível. O seu alojamento proporcionar-lhe-á informações sobre o estabelecimento mais próximo onde fazer um teste de diagnóstico homologado. Em qualquer caso, proporcionamos-lhe uma relação dos centros homologados das Canárias onde pode realizar a prova.

3Que medidas de segurança encontrarei no aeroporto e/ou no avião?

Recordamos que durante todo o trajeto, terá obrigatoriamente de utilizar máscara e de seguir todas as medidas de segurança indicadas tanto pela companhia aérea como pelas autoridades aeroportuárias.

Recomendamos que, se for possível, realize o check-in online para evitar trâmites desnecessários no aeroporto. 

4Posso deslocar-me livremente entre as ilhas?

Claro que sim. De facto, uma das grandes vantagens de visitar as Canárias é que pode conhecer várias ilhas numa visita. O facto de as ilhas serem muito diferentes entre si torna viagem muito mais enriquecedora e interessante. 

A Binter e a Canaryfly são as companhias aéreas que realizam os trajetos interinsulares, e a Fred Olsen, a Armas, a Biosfera Express e as Líneas Romero as navais.

5Que medidas pessoais de proteção tenho de tomar para prevenir contágios?

O Governo das Canárias recomenda que todos os cidadãos tomem estas medidas de proteção pessoal:

  • Realize uma higiene frequente das mãos com água e sabão, ou gel hidroalcoólico. 
  • Ao tossir ou espirrar, cubra a boca e o nariz com lenços descartáveis, e deite-os imediatamente no lixo.
  • Mantenha uma distância de segurança de pelo menos 1,5 metros em relação às pessoas com quem não conviver (com ou sem sintomas).

As autoridades recomendam que todas as reuniões de pessoas não conviventes em espaços privados fiquem limitadas a um máximo de 10 assistentes, mesmo que se possa garantir a distância de segurança.

6O que é que tenho de fazer em caso de aparecimento de sintomas durante a minha estadia nas Ilhas Canárias?

Se tiver sintomas fortes ou graves como sensação de falta de ar e muito desconforto,, isole-se no seu alojamento e ligue para o telefone 900 112 061, para que possam dar-lhe as indicações pertinentes e dirigi-lo para o respetivo estabelecimento de saúde. +34 922 842 279 e +34 928 846 579 ligações internacionais.


Também é recomendável que você ligue se for uma pessoa de risco (imunodeprimido, grávida ou pessoa com mais de 60 anos).

Não se esqueça que, se entrar em qualquer estabelecimento de saúde das ilhas, tem de utilizar máscara e evitar tocar em qualquer superfície com as mãos. 

7INFORMAÇÃO IMPORTANTE: O SEGURO DE VIAGEM COVID-19 ESTÁ SUSPENSO A PARTIR DE 3 DE MARÇO DE 2022.

Recomendações de higiene:

Lavamanos

Realize uma higiene frequente das mãos com água e sabonete, ou gel hidroalcoólico.

Toallitas

Ao tossir ou espirrar, cubra a boca e o nariz com lenços descartáveis e deite-os imediatamente para o lixo.

Distancia de seguridad

Mantenha uma distância social de pelo menos 1,5 metros com as pessoas com que não conviver (com ou sem sintomas).

Barbijo

A máscara só é obrigatória para maiores de 6 anos que acedam a centros sociais de saúde, farmácias e transportes públicos. 

Se tem sintomas de COVID-19 durante a sua estadia nas Ilhas Canárias:

900 112 061(Apenas para chamadas dentro do território espanhol, em caso de sintomas de COVID-19). +34 922 842 279 e +34 928 846 579 ligações internacionais

Fiebre

Febre

Tos

Tosse

Falta de aire

Dificuldade para respirar