Monumento Natural de Los Roques

Monumento Natural de Los Roques, em La Gomera

Menires de rocha e laurissilva de La Gomera

A ilha de La Gomera conta com uma multitude de afloramentos de origem vulcânica esculpidos naturalmente pela erosão. Mas poucos são tão emblemáticos como a massiva rocha de Agando e os seus quatro peculiares acompanhantes: Las Lajas, aplanado e inclinado; La Zarcita, pequeno e discreto; Carmona, desafiante e afilado; e Ojila, avultado e imponente. Este conjunto de ‘menires’ rodeados pela laurissilva dos cumes centrais de La Gomera merece ser incluído em qualquer rota de carro por esta ilha declarada Reserva da Biosfera pela Unesco.

Vistas da rocha de Agando e o Teide

As rochas estão junto à estrada TF-713, que sobe às montanhas desde a capital, San Sebastián, e segue a linha divisória entre as ladeiras norte e sul, onde frequentemente se veem cascatas de nuvens. Desde o grupo de dois pontos de observação conhecidos como miradouros de Los Roques podem-se ver ambas as vertentes, fotografar as rochas desde diferentes ângulos e descobrir o pico Teide a ‘flutuar’ sobre o mar. Desde a base da rocha de Agando sai uma maravilhosa vereda de 2,5 quilómetros que atravessa uma floresta de laurissilva e leva à montanha de Peraza.

Isla La Gomera

1075 m

1075 m

Sim, Monumento Natural

Sim, Monumento Natural

DISCOVER