Mergulhar nos destroços do 'Arona'

Imersão para especialistas em destroços na Gran Canaria
O navio mercante 'Arona', com 100 metros de comprimento de fora a fora e 15 de boca, afundou-se em 1972 à frente da costa nordeste após um grande incêndio. Desde então, os seus destroços converteram-se num ponto de imersão favorito entre os mergulhadores experientes que procuram explorações exigentes e com vida marina abundante. Repousando nas águas defronte à zona industrial de Jinámar, os impressionantes destroços do 'Arona' encontram-se a apenas seis milhas náuticas do porto de La Luz e de Las Palmas, a capital grancanária.
Observar a riqueza da vida marinha a 35 metros de profundidade
A vida marinha deste recanto da Gran Canaria multiplicou-se desde que o 'Arona' tocou o fundo a 40 metros de profundidade. Por ter tombado durante o afundamento, a parte mais próxima da superfície (à cota de 20 metros) é o costado. Sobre o casco e as torres crescem todos os tipos de pólipos e anémonas. Cardumes de bicudos, roncadores e besugos circulam constantemente em torno do navio. Aproveitando a obscuridade dos passadiços e o relevo da coberta, podem ver-se patudos, cantarilhos e imperadores.
Depth
31-40 m.
Acesso
De barco
Interest
Naufrágios
Level
Médio
Currents
Localidad
Jinámar - Bocabarranco
texrto

TENERIFE

TENERIFE

GRAN CANARIA

GRAN CANARIA

FUERTEVENTURA

FUERTEVENTURA

LANZAROTE

LANZAROTE

LA GRACIOSA

LA GRACIOSA

LA GOMERA

LA GOMERA

LA PALMA

LA PALMA

EL HIERRO

EL HIERRO
2
256
13
262
10045